Evitrinne Amor à Saúde: Abril 2015

terça-feira, 21 de abril de 2015

Microondas: os seus efeitos na nossa saúde

O nosso estilo de vida acelerado está a afastar-nos da saúde. O microondas é uma das tecnologias que mais representa a forma como estamos a viver: sem tempo para cozinhar. Se não temos tempo para cozinhar isso significa que estamos a dar pouca importância à nossa saúde. Isto faz-nos reflectir. 

O microondas é algo já bastante estudado, felizmente. Sabe-se já o perigo das radiações na nossa saúde e na qualidade dos alimentos. Contudo ele continua a ser usado.

Uma pessoa que aqueça ou cozinhe diariamente os seus alimentos no microondas está propícia a ter problemas de saúde como anemia e cancro. 

É fundamental que vocês compreendam que crianças expostas aos telemóveis e ingerindo alimentos que passaram pelos fornos de microondas estão comprovadamente aumentando as suas chances de desenvolver uma gama imensa de doenças incapacitantes. (Dr. Victor Sorrentino) 

O que acontece aos alimentos no microondas?

O microondas agita as moléculas aquecendo-as mais rapidamente resultando na destruição dos nutrientes, vitaminas, minerais e proteínas dos alimentos. Estará, portanto, a ingerir um não alimento que, por sua vez, gerou uma substância designada de compostos radiolíticos, um composto estranho na natureza.

Principais problemas causados pelo microondas:
  • Danos cerebrais
  • Alteração hormonal
  • Anemia (os nutrientes são destruídos pelas ondas do microondas)
  • Criação de radicais livres
  • Cancro, sobretudo no estômago e intestinos
  • Aumento das células cancerígenas no sangue
  • Libertação de radiações para fora do microondas quando este já tem algum tempo de uso
  • ... 
Pessoalmente já não uso o microondas há mais de um ano. É uma falsa necessidade nas nossas vidas e que nos está a prejudicar gravemente a saúde. 

Fontes: